Além do marketing jurídico: como escritórios prospectam clientes?

Advogados de grandes escritórios comentado sobre Marketing Jurídico

Qual é a origem do retorno? Por que alguns escritórios de advocacia conseguem tantos negócios? Como esses clientes chegam nesses advogados renomados? Atendemos grandes escritórios de advocacia e conseguimos trazer algumas estatísticas práticas com base na nossa experiência como maior agência de marketing jurídico do Brasil.

Para conseguir gerar resultado e prospectar clientes, o advogado precisa estar sempre fomentando sua comunicação. O marketing jurídico traz resultado a longo prazo e tem que estar sempre sendo atualizado. Mas além do marketing existem algumas outras frentes que levam negócios para os grandes escritórios de advocacia, entre elas, destacamos as 10 principais origens de negócio e o percentual médio de representatividade por cada uma delas:

1. Corpo Jurídico de empresas, 38%.
2. Escritório Parceiros, representam, 22%.
3. Corpo Jurídico Interno (do estagiário ao sócio do escritório), 15%.
4. Conteúdos bem posicionados em ferramentas de busca (Google e Youtube principalmente), 8%
5. Artigos publicados em mídias relevantes, 5%.
6. Redes e Associações, 4%.
7. Eventos internos com temáticas específicas, 4%.
8. Reportagens com Advogados do escritório, 2%. 
9. Sites e revistas especializadas, 1%.
10. Redes sociais, informativos e semelhantes, 1%. 

Com esses dados em mente surgem algumas questões: Quanto o seu escritório de advocacia se comunica com outros escritórios? Como você comunica que o seu escritório de advocacia está atualizado com relação às mudanças na legislação vigente? Quanto você estimula advogados do escritório a trazer negócios para casa?

Esse é o momento de usar o marketing jurídico a favor do escritório de advocacia e fomentar novos negócios de uma maneira diferente.

Guia completo marketing jurídico

COMUNIQUE-SE COM OUTROS ESCRITÓRIOS

Grandes escritórios de advocacia se comunicam, trocam figurinhas, oferecem eventos de interesse em comum. Trocam clientes com interesses distintos. Por isso é importante que o advogado comprove sua autoridade em determinado nicho, perante outros escritórios.

Se o seu escritório de advocacia está se especializando em LGPD, por exemplo, faça uma live sobre o tema e convide advogados de outros escritórios de advocacia para assistir e até outros especialistas para compartilhar cases com você.

COMPROVE SEU CONHECIMENTO JURÍDICO

Ao produzir um conteúdo para o blog ou as redes sociais do escritório de advocacia tenha em mente a seguinte questão: pelo que eu quero que meu escritório seja conhecido? Mostre o posicionamento dos advogados, traga conhecimentos específicos, às vezes um ponto de vista diferente sobre uma determinada decisão faz toda diferença.

Não é fazer propaganda do advogado e postar certificados, mas sim compartilhar o conhecimento do corpo jurídico, mostrando o diferencial dos profissionais do escritório de advocacia.

Quanto mais nichado e específico melhor, mais fácil de se diferenciar no âmbito online e offline, conseguindo parcerias interessantes com escritórios mais generalistas, por exemplo.

Concluindo, o marketing jurídico por si só não vai pagar as contas do escritório de advocacia, mas ele pode ajudar a fazer conexões interessantes para fomentar a prospecção de novos clientes. Não esqueça de fazer networking e contar com o apoio dos grandes escritórios que já tem autoridade no mercado.

Receba conteúdos e estratégias atualizadas de Marketing Jurídico gratuitamente!

Sobre o autor
Compartilhe
Suporte 3MIND
Olá 👋
Como podemos lhe ajudar?
PodCast no Spotify
Canal no Youtube